A ausência de público e a interrupção de campeonatos e ligas resultantes da pandemia de Covid-19 estão a afetar o desporto em geral e os atletas em particular. Ao ponto de ser necessário recorrer a alternativas menos habituais para gerar receitas que permitam, entre outras coisas, implementar processos e realizar alterações obrigatórias para cumprir as instruções sanitárias em vigor.

Victoria Oliveira, autora deste artigo, e cuja biografia pode ser encontrada aqui, explica como uma empresa de apostas e uma agência de talento se mobilizarem para encontrar uma maneira de ajudar jogadores de ténis a regressar aos campos.





A ideia

A ideia de criar um evento capaz de gerar “barulho” e angariar fundos para reanimar o setor surgiu da agência de talento Topnotch Management, que representa atletas de gabarito do futebol e do ténis no continente norte-americano.

Em associação com a Genius Sports, uma empresa internacional de monitorização e integridade de dados, a visão do torneio Topnotch Tennis Tours MatchPlay 120 series, um evento com a duração de seis semanas, rapidamente começou a ganhar forma.


As características

Todas as partidas serão disputadas em singulares, em quatro campos distribuídos pelos estados de Ohio, California e Florida. E embora o primeiro jogo de tênis do torneio esteja previsto para 25 de maio de 2021, diversas casas de apostas norte-americanas estão já a aceitar apostas.

Outras características importantes incluem a transmissão online em “streaming” das partidas, a ausência de cobertura televisiva e de público, e o facto de a organização do torneio não contar com mais de uma dezena de pessoal no local para assegurar as medidas de distanciamento social recomendadas.


Casinos e empresas de apostas de fora

Ao contrário de outros torneios e competições de ténis presentes tanto em casas de apostas como em novos casinos online, os apreciadores ou fanáticos portugueses de ténis e apostas não terão como assistir, nem como apostar no Topnotch Tennis Tours MatchPlay 120 series, a partir de um site nacional licenciado. Assim e até confirmação do oposto, os casinos e empresas de apostas legais em Portugal estão de fora.




Atletas participantes

São esperados alguns nomes do top 300 do ranking do ATP e WTA, como Sam Querrey e Jennifer Brady, que ocupam atualmente o 40º lugar no ATP e 48º lugar no WTA, respetivamente. Em “jogo” estão 150 000 mil dólares em taxas de participação, que serão distribuídos no final.


Como funciona

À medida que os sets vão decorrendo, a Genius Sports responsabiliza-se pela sua produção e transmissão em direto online, recorrendo para tal a uma aplicação de câmara HD com tecnologia de inteligência artificial, para tornar mais aliciante o tênis de apostas.

Simultaneamente procede à distribuição das transmissões e à comunicação dos resultados, odds e outras informações estatísticas às casas de apostas envolvidas, de forma fiável e consistente.


A tecnologia

Para materializar com sucesso um empreendimento com estas características, são necessárias tecnologias de ponta e ferramentas de comunicação com eficácia comprovada. Organizar um torneio de ténis em três estados diferentes de forma praticamente remota é um desafio para o próprio diretor do evento, Kyle Ross.

A produção simplificada do evento, a transmissão de vídeo e as parcerias com casas de apostas desportivas podem servir definitivamente de guia para gerar burburinho e receitas, e ajudar, tal como Chris Dougan, o próprio diretor de comunicação da Genius Sports afirma, “outros desportos de nível inferior a voltarem a jogar e a ganharem exposição”.




A atualidade

Em Portugal, apesar da pandemia, exposição não tem faltado às apostas desportivas e ao jogo online. Como é comprovado pelas seguintes estatísticas que não podíamos deixar de partilhar consigo.


· Em Portugal, as apostas no ténis representaram 9,1% do mercado, contra os 74,7% das apostas no futebol, com a Primeira Liga a concentrar as preferências dos apostadores.

· No decurso do presente ano, a maior parte dos jogadores portugueses (41,2%) apostou exclusivamente online desportivas online, enquanto 39,4% se ficou pelos jogos de casinos e apenas 19,4% fez apostas em ambas as plataformas.

· As receitas provenientes de apostas desportivas, cresceram 39,2%, apesar de uma diminuição de 19,6% nos montantes apostados.


A evolução da pandemia ditará o desenrolar desta e de outras iniciativas de empresas de apostas e tecnológicas no sentido de revitalizar o desporto e as apostas desportivas. O tempo o dirá.



Sobre o autor: A Victoria é responsável pelas vendas e marketing na CasinoPortugal.